Site Sponsors
  • Park Systems - Manufacturer of a complete range of AFM solutions
  • Oxford Instruments Nanoanalysis - X-Max Large Area Analytical EDS SDD
  • Strem Chemicals - Nanomaterials for R&D
Posted in | Nanomaterials | Graphene

O Estudo Revela Material Subjacente Afecta Dràstica o Comportamento de Graphene

Published on August 13, 2012 at 8:39 AM

Pela Vontade Soutter

Os Pesquisadores em Massachusetts Institute of Technology descobriram que quando colocadas sobre carcaças de materiais diferentes, as propriedades básicas dos graphene tais como a reactividade química e a condutibilidade elétrica variam baseado dramàtica nas características do material subjacente.

O Escritório dos E.U. da Pesquisa Naval apoiou pela maior parte o trabalho. Os resultados do estudo apareceram no jornal da Química da Natureza. Quando o material subjacente é dióxido de silicone, o graphene torna-se prontamente functionalized no seguimento de sua exposição a determinados produtos químicos. Contudo, quando o material subjacente é nitreto de boro, o nanomaterial torna-se inerte aos mesmos produtos químicos.

Autor Superior, Michael Strano informado que é possível girar a capacidade dos graphene de ligar/desligar para criar ligações químicas com base no material subjacente. A razão para este comportamento estranho do graphene é sua muito baixa espessura de modo que os campos elétricos dos átomos no material subjacente afectem fortemente a reactividade química do nanomaterial. Daqui, é possível fabricar dispositivos com uma carcaça micropatterned que compreenda algumas camadas do nitreto de boro assim como do dióxido de silicone e as cubra com uma camada do graphene cuja a reactividade química obtivesse mudada baseado na modelação escondida.

Isto pavimenta a maneira de desenvolver microarrays do sensor para detectar quantidades de traço de materiais químicos ou biológicos, por exemplo. Strano indicou que os pesquisadores propor uma teoria nova de elétron-transferência para descrever o mecanismo atrás do efeito do material subjacente no comportamento químico do graphene. Esta introspecção nova guardara o potencial prever o comportamento do nanomaterial em outras carcaças.

O Autor principal, Qing Hua Wang indicou que encontrar é útil em prever o comportamento químico de diversas configurações diferentes. Esta ideia pode inspirar outros grupos para a revelação de muitas coisas diferentes. O passo seguinte da equipe do MIT é estudar a reactividade química do graphene do bilayer cujo o comportamento é esperado ser diferente daquele de um material da único-camada.

Source: http://web.mit.edu/

Last Update: 13. August 2012 09:59

Tell Us What You Think

Do you have a review, update or anything you would like to add to this news story?

Leave your feedback
Submit